Olá pescadores de plantão agradeço por passarem aqui no meu Lago dos Sonhos e peço pra que, se possível, vcs deixem comentários sobre os textos, afinal sem eles naum terá como eu saber se estão ou não gostando do blog.


Também se puderem, deixem seu e-mail para q eu possa agradecer os comentários e a visita.


Bjus e espero que gostem


ASS: Pescador de Sonhos



segunda-feira, 21 de janeiro de 2008

Uma jornada para a vida - Parte I: O início

Que legal ir ao um parque, que legal se divertir num parque, mas o que não é nada legal é sofrer um acidente em um parque.
Cinco jovens quando andavam na montanha russa, por motivos de falta de manutenção do brinquedo, seus cintos estavam frouxos e se soltaram de uma altura não tão grande, mas que poderia levar a morte.
Quando sentiram seus corpos desgrudando com imensa força do assento do brinquedo pensaram ter morrido, mas não foi exatamente o que aconteceu.
Os cinco estavam vivos e dormindo em camas de folhas tão aveludadas quanto as pétalas de uma rosa.
_ Até que em fim vocês acordaram. Dos que eu fiquei encarregada vocês são os mais dorminhocos_ disse uma fada linda de cabelos cor de ouro e olhos cor dos céus, sua silhueta era de invejar qualquer miss do mundo.
_ Encarregada? Então não morremos?_ Helena perguntou.
_ Bem estão mais mortos do que vivos no mundo de vocês_ explicou Celeste, a fada.
_ Como assim, estamos no céu?_ perguntou John, o mais velho e dito chefe dos cinco.
_ Não. Estão num lugar onde reclamarão por suas vidas e para isso terão que se submeter a três provas que vão testar se vocês podem ou não continuar vivos na Terra.
_ Mas, porque nós, não poderíamos só morrer como acontecem com os outros?_ retruca Marcos, o caçula e mais pessimista da turma.
_ Marcos, pare de pedir para a morte, garoto idiota_ diz Clarisse a meio-irmã de Marcos.
_ Mesmo com seu tom pessimista irei responder: Ao caírem daquele brinquedo suas almas ficaram soltas do corpo, pelo fato de vocês terem levado um susto ao morrer, assim quem sofreu o acidente foram seus corpos e não suas almas, por isso que poderão ter a segunda chance.
_ Se é a única saída daqui então nós vamos fazer a prova, explique-nos como devemos começar_ disse o mais decidido da turma, e este era Roni.
_ Começar vocês já começaram, mas digo novamente só saíram daqui quando terminarem as provas, a cada prova que se submeterão vão poder escolher entre continuar na jornada ou voltar para a Terra, mas quanto mais longe da terceira prova vocês decidirem sair menos chance terão de sobreviver.
_ Pelo que eu entendi estas provas valem exatamente a nossa vida, então nela não vamos correr o risco de morrermos?_ novamente Marcos com suas idéias pessimistas.
_ Vocês correrão sim esse risco, neste mundo as criaturas malignas estão transitando em maior quantidade que as do bem como eu. E por isso presentearei vocês com as seguintes relíquias: Roni receberá a Coroa das Chamas, com ela você poderá controlar o fogo ou fazer até a água virar uma chama viva como se esta fosse álcool; Helena terá o Colar dos Oceanos, assim controlará tudo relacionado a água, como os peixes; Marcos receberá as Pulseiras das Montanhas, com um simples olhar criará terremotos ou fará montanhas nascerem do solo; o Anel das Tempestades ficará com Clarisse, com ele você poderá transformar o dia ensolarado em uma manhã chuvosa ou poderá fazer uma leve brisa virar um furacão enorme; E por fim John ficará com o Punhal do Universo, sendo assim controlará todas as outras relíquias podendo até neutralizar seus poderes, isso além de poder controlar tudo que possui vida. Agora que já têm suas armas sigam sempre para o norte e lá acharam as provas, vou estar sempre com vocês, porém não me verão, isso só se eu quiser que vocês me vejam...
Nestas palavras Celeste some como se fosse uma nuvem ao vento, e os cinco jovens começam a sua jornada.

Um comentário:

Renata disse...

Olá... Resolveu escrever um romance ou um conto? rsrs Estou curiosa para acompanhar os próximos capítulos, então faça o favor de escrevê-los logo...rsrs Esse seu texto está meio que "Caverna do Dragão", meio que "Capitão Planeta"...rs quero ver no que isso vai dar. Confio em sua imaginação. Mãos na caneta ou dedos na tecla: avante, Adriel!
beijos

Meu lobinho estah com fome de um bife para ele.